Tá com uma graninha sobrando e quer ter um carro único nas terras bananeiras?
Seus problemas acabaram! Ou quase…
O pessoal do Autoblog, em recente pesquisa de agosto desse ano sobre os carros vendidos lá na terra do Tio Sam, se depararam com uma suposta falha na Matrix: haviam vendido e registrado um Lexus LFA 0km.


Tendo como base que o LFA é um super carro com apenas 500 unidades produzidas e que começou a ser vendido em 2012, é de se espantar que ainda tenha algum zero km ou não-registrado em pleno 2017. Então, a galera ligou para a matriz da Toyota no Japão e teve uma surpresa ainda maior: Não apenas um novo foi vendido naquele mês, como ainda existem 12 (Doze) Lexus LFA com pelinhos nos pneus pelas concessionárias dos EUA! Fascinating!
Mas o que pode ter acontecido? Bem, alguns possíveis motivos como guardá-los como investimento (vender mais caro no futuro) ou somente para ficarem no showroom das concessionárias para apresentações e eventos.

Essa notícia se espalhou pelo mundo em agosto, e de lá pra cá, o pessoal do Jalopnik resolver rastrear onde estão esses carros “perdidos”. Pediram ajuda a seus leitores e eis que receberam centenas de emails e comentários, inclusive um cara que enviou um documento de uma das concessionárias com o estoque de LFA’s zero km. Nele continham o nome das lojas, a unidade federativa em que se encontram, as cores e versões dos 12 LFA. Quer saber quais? Se liga abaixo:

  • Balise Lexus, Massachussets: Laranja, Nürburgring Edition
  • Hilton Head Lexus, Carolina do Sul: Branco
  • Dolan Lexus, Nevada: Preto
  • Lexus de Arlington, Illinois: Amarelo
  • Rohrich Lexus, Pennsylvania: Branco
  • Lexus de Pembroke Pines, Florida (são quatro!): 03 brancos, 01 preto
  • Lexus de Richmond, Virginia: Prata
  • Lexus de Woodland Hills, California: Preto
  • McGrath Lexus, Ilinois: Laranja

Praticamente todos eles foram comprados pelos donos das concessionárias, têm entre 20 e 1500 milhas no hodômetro e foram pouco dirigidos, seja por seus donos em eventos ou pelos mecânicos em testes de revisões e etc, mas não são emplacados.


Acha que acabou nesses 12? Rumores indicavam que haviam ainda mais LFA’s sem registro, parados em concessionárias e não listados pela fábrica. Foi aí que eles (do Jalopnik) ligaram para várias concessionárias do país em busca dos tesouros perdidos. Em uma delas, em São Francisco, um cara bem educado os informou que eles tinham sim um LFA amarelo guardado e não estava à venda, a não ser que um alto figurão resolvesse procurá-los. Em outra, falaram ter um prata e que já foi oferecido nada menos que US$ 850.000,00 e não deu negócio… É, amigos, não é para meros mortais com somente grana no bolso.

No final das contas, acabamos por saber que existem “tesouros escondidos” por aí, pois se acontece com o LFA, pode ser que aconteça com vários outros supercarros já lançados. É tipo um “barn find” de carros novos e bem cuidados. E apesar de a maioria (ou todos eles) não estarem disponívei para venda (ou que você não se encaixe no perfil comprador), continuaremos sonhando em ver (ou em ter) um LFA cantando sua sinfonia na nossa própria garagem.